Loading
Study Reminders
Support
Text Version

Set your study reminders

We will email you at these times to remind you to study.
  • Monday

    -

    7am

    +

    Tuesday

    -

    7am

    +

    Wednesday

    -

    7am

    +

    Thursday

    -

    7am

    +

    Friday

    -

    7am

    +

    Saturday

    -

    7am

    +

    Sunday

    -

    7am

    +

Então, para começar com a primeira terminologia em um nível de construção é o índice de desempenho energético. Agora, o índice de desempenho energético deé uma métrica para entender o consumo anual de energia de um prédiopor área unitária. Então, é a energia consumida por área unitária por ano em um prédio eé um indicador de quanta energia está sendo consumido pelo prédio; menor o EPI do prédiomais eficiente é o edifício.(Consulte o Tempo de deslizamento: 02:12)Então, temos que tentar fazer um prédio que tem um EPI baixo; se olarmos os dados atuais de dadospara consumo de energia em edifícios, que foi publicado pela LBNL em 2012. Assim, como por estedados a energia anual padrão usa o EPI que é o uso de energia convencional para edifícios indianosfica em torno de 250 kilo Watt hora por metro quadrado por ano e o melhor é em torno de 60.Agora, isto estamos falando de edifícios que estão usando ar condicionado. Em uma média umlote de edifícios na Índia não usam ar condicionado e eles têm o consumo de energiaconsumo anual de energia EPI de cerca de 100; é isso que é o número habitual. E lásão prédios apenas em virtude de não usar ar condicionado e dependendo de uma iluminação naturale iluminação natural dia de iluminação.O uso de energia é razoavelmente baixo em nosso prédio. Mas, como vemos que os prédios comerciaisestão crescendo em número e a maioria desses edifícios comerciais estão sendo centralmentear condicionado há mais e mais espaços estão sendo climatizados. A energiaconsumo de nossos edifícios na Índia não apenas edifícios comerciais, mas também residências o consumo de energiaé tremendamente crescente.Se temos que reduzir o índice de desempenho energético, se temos que aumentar o índice de desempenho de energiaque é reduzir o número da energia consumida. Temos que mudara forma como os edifícios são projetados, a forma como os equipamentos são selecionados e usados e os edifícios da formasão operados.(Consulte o Tempo do slide: 03:57)Então, este é outro relatório por perspectiva de tecnologia energética que foi publicado em 2016 eeste é um cenário global este não é para a Índia. Então, atualmente isso está em bilhões de toneladas de giga tonequivalente do CO 2 liberado. E se a gente ver o total está em algum lugar aqui que está relacionado qualé o prédio relacionado às emissões de chg. E se continuar crescendo assim, vai chegar aem algum lugar aqui por 2050 o que fará com que um aumento de temperatura global de cerca de 6 graucentígrados.Para reduzir isso e limitá-lo em 4 grau centígrado de aumento, temos que implementar a prioridade de edifícios globais atuais para uma redução de 2 grau que ainda era de 4 grau centígradacenário superior. A fim de reduzi-lo ainda mais e levá-lo até um nível que está aqui, nóstemos que fazer todos os edifícios novos como edifícios de energia zero ou net zeroEntão, que os edifícios produzam toda a energia que eles vão consumir, além de que o edifício existenteexigirá renovações profundas. Assim, o estoque de construção existente também terápara se aproximar da exigência de energia líquida zero. E a fonte de energia em cima dessa vontadeterá que ser fornecida através de fontes de baixo GHG como, fotovoltaica ou hidro ou outra baixa em fontes de energia deGHG.Além disso, os materiais de construção também terão que ser materiais de construção de GHG baixo.Uma vez que fizermos isso seremos capazes de limitar o cenário de 2050 a uma subida de mais 2 grau que será ainda maior do que os limites de temperatura de temperatura de nível industrial.Agora, isso implica que muito precisa ser feito em nossos edifícios e edifícios vão sercada vez mais críticos se estamos falando do cenário global o global elevação da temperatura.Então, o que fazemos? Quando olhamos para esses edifícios o projeto de construção de que tipo demateriais materiais, a primeira coisa que é de extrema importância e preocupação para nós éenvelope de construção.(Consulte o Slide Time: 06:38)E quando estamos falando de envelope de construção, estamos nos referindo à fachada externa deo edifício que compreende os componentes opacos e os sistemas de fenestração. Por isso,quando digo fachada exterior estamos falando do envelope de construção que está vindo emcontato com o ambiente externo então, essas porções.Agora, este pode ser um componente opaco como parede ou também poderia ser o sistema de fenestração. Por isso,tudo isso junto é o envelope de construção, os pisos internos não são contados como parte do envelope de construção. Quando falamos sobre os componentes opacos estamos falando das paredes, dos telhados, dos pisos. Quando falamos de sistemas de fenestração, estamos falando das janelas, estamos falando também dos clarabóias e ventiladores; estamos falando dasportas que são envidraçadas e, às vezes, as portas que também não são vidradas. Então, isso tudo issojuntos é construindo envelope.Então, quando dizemos que o envelope de construção é o parâmetro mais importante para a preocupação comconsideração dentro do envelope de construção, há vários fatores que precisam ser consideradosque precisam ser cuidados quando estamos projetando.(Consulte o Tempo do slide: 08:07)Parte dela nós já vimos quando começamos a falar sobre prédios sustentáveis vimosque a primeira coisa que precisamos fazer é o estudo climático. Então, entendendo o clima quanto ao que o clima traz com ele, como podemos lidar com isso através dos prédios. Por isso, temos quesaber sobre as faixas de temperatura, umidade, radiação solar, velocidade do vento e direçãoforma de terra, vegetação, corpos d' água, espaços abertos. E todas essas coisas como parte do climae do estudo do microclima. Lidamos com isso em detalhes como parte de nossa análise do site.Uma vez que temos esses dados com a gente o próximo é construir orientação e forma. Agora, quando falamossobre construção de orientação e forma estamos falando de dois impactos dela ou de duas propriedades;uma é a razão de superfície para volume e também a área de superfície exposta. Agora, a proporção de superfície para volumeimplica que haverá mais superfície do edifício, que estará disponível para esta troca de calor. Também vimos as três maneiras diferentes. Por isso, estamos olhando para a condução,convecção e radiação, mas se a superfície for superior será mais propensa a receber caloratravés de qualquer uma das médias conduções, convecção ou radiação.Agora, se temos reduzimos a área de superfície a volume, estamos reduzindo imediatamente a quantidade dede superfície disponível para esta transferência de calor. Mesmo depois de reduzir que temos que projetaro prédio porque prédios em um site podem se baralar mutuamente ou um prédio em si podesombra, através dos sulcos e nichos que são criados como parte do design do edifício. Então, nóstemos que ver o quanto da área da superfície está exposta e isso também é dependente da orientaçãodo edifício.Então, se estamos no hemisfério norte e sabemos com muita clareza que o lado norte do edifícionunca receberá o sol direto, por causa de estarmos no hemisfério norte eo caminho do sol que está lá. Então, parte maior da superfície do prédio deve ser idealmente expostaao lado norte de tal maneira que a área de superfície exposta é reduzida.(Consulte o Tempo de Deslizamento: 10:34)Então, se observarmos os ganhos de calor em um prédio através do envelope em ambientes fechados, bem comoao ar livre. Assim, indoor a carga de ambientes fechados é por causa do equipamento ou por causa deseres humanos. Então, por causa das pessoas porque nós também irradiamos calor. Agora, esta é uma carga quenão pode ser alterada que não pode ser comprometida, este é o calor metabólico este permanece comoconstante. A outra carga é através do equipamento. Assim, equipamentos diversos os equipamentos de iluminaçãopodem também existir os sistemas mecânicos como ventiladores que podem estar produzindo calorà medida que funcionam.Agora, aqui podemos escolher um equipamento eficiente, que produz menos quantidade de calor para adeterminada tarefa para a saída dada. Além disso temos muito ganho de calor a partir doao ar livre, agora isso é através de condução, convecção e radiação. Por isso, há radiação solar diretaque está entrando no prédio e caindo sobre a superfície. Há conduçãocalor obtido através da condução e há calor obtido através de convecção por causa da ventilaçãoe infiltração.Então, tudo isso está contribuindo para muito ganho de calor. E além disso se olharemos para ummuitos desses fatores que serão considerados enquanto projetamos. Aqui estamos preocupados principalmentecom a energia, mas temos que levar em conta em grande parte estamos falando de climaaqui. E em fenômenos internos temos a ocupação e uso da iluminação do sistema HVAC,máquinas, equipamentos, materiais de construção, acabamentos e os agentes que são orgânicos einorgânicos.Além do clima e do clima o que é uma preocupação primordial aqui também temos muitas outras preocupaçõesque estarão presentes que não podem ser ignoradas, mas aqui quando estamos falando de energiadeixe-nos olhar em grande medida para estes. Então, o prédio tem um monte desses internos assim comocargas externas que precisam ser balanceadas para torná-lo um prédio eficiente em energia.(Consulte o Tempo do slide: 12:48)Então, temos isolamento. Agora, o isolamento é a quantidade de radiação solar que é recebida ema superfície de construção que é o isolante. Então, quando estamos projetando um edifício. Então, primeirocoisa que vimos é orientação do prédio para melhorar a proporção de superfície para volumee também a área de superfície exposta; agora isso é feito porque todas essas superfícies estão expostas aa radiação solar.Então, temos que reduzir a quantidade de insulatiem recebidos durante o verão, mas também temos quever, qual é a quantidade de radiação solar que é recebida durante invernos. Como o prédioespecialmente em climas compósitos o prédio pode exigir aquecimento em invernos. E seolhamos para o orçamento total da energia às vezes o custo do aquecimento e a energia necessária para o aquecimento deo edifício pode ultrapassar a quantidade de energia necessária para o resfriamento do edifício, seo edifício não for adequadamente projetado. Então, temos que ver que o quanto é a quantidade de isolamento que é recebida em cadafachada cada superfície durante invernos e durante os verões. Uma estimativa disso vai nos ajudar emprojetando o prédio a geometria do edifício.A próxima coisa que precisamos ter em mente é a possível orientação do edifícioplanform. Assim, diferentes planformas exigirão ou terão diferentes orientações otimizadascom base em seu clima.(Consulte o Tempo do slide: 14:28)Então, suponhamos que estamos falando de climas quentes, onde a redução da quantidade de ganho de calorrecebida pelo prédio é um critério preferencial. E se olarmos para o simples retangularconstruindo a orientação ideal seria orientar o seu edifício tal que o lado mais longo do edifícioenfrenta norte e sul e o lado mais curto do edifício enfrenta leste e oeste.Suponha que tenhamos um edifício em forma de l, o ideal seria expor o lado novamente mais longomas, com o ponta projetado em direção ao norte. Se estamos falando do que há hámúltiplo conjunto de construção na maioria desses casos o eixo mais longo deve realmente estar virado para o nortequando estamos falando dos climas quentes quentes, enquanto isso vai mudar, quando estamosfalando dos climas extremamente frios. Em tais climas temos que orientar o prédioligeiramente inclinado a fim de receber quantidade máxima de isolamento que também em invernos. Então, primeirocoisa é construção de orientação.(Consulte o Tempo de Slide: 15:53)(Consulte O Slide Time: 16:00)Se olarmos para esta simulação particular na tela, temos que analisar através de ferramentas de simulaçãoadequadas o que é o padrão de sombra e em momentos diferentes do dia e diferentesépimos do ano. Então, temos que analisar o impacto o que um determinado arranjo de planejamentoteria, nos prédios no local os edifícios adjacentes e também nos edifícios em torno deo site.Então, alternativas de construção e posicionamento de construção têm que ser experimentados para melhorar na quantidadede isolamento recebido otimizá-lo. Agora, não estou dizendo reduzi-lo ou aumentá-loque depende do clima específico para o qual o edifício está sendo projetado. Então, aqui nósnão estamos sequer entrando nas especificidades do design de construção, mas é apenas orientando, é apenascolocá-lo no site juntos.(Consulte o Tempo do slide: 16:58)Então, como já vimos que a orientação sul do sul para espaços ocupados mais longos é uma orientaçãomelhor. Estas são as imagens de simulação e se vemos que o mesmo edifício queestá aqui foi orientado com a sua fachada mais longa voltada para o norte. E podemos ver que a quantidadede radiação recebida nessas superfícies é menor em comparação com o mesmo prédio se ela forexposta a leste e oeste. E há uma enorme quantidade de sol a qual esse edifício éexposto, há uma quantidade maior de radiação solar que é recebida.Então, antes de realmente projetar o prédio em detalhes a primeira coisa que precisa ser corrigida éa orientação do edifício. E ferramentas muito boas estão disponíveis hoje em dia onde podemosverificar qual é a quantidade de isolamento solar, se queremos aumentá-la ou reduzi-la nósselecionamos a orientação ideal.(Consulte o Tempo do slide: 18:05)O próximo é que temos que planejar, temos que projetar os elementos que podem fornecer árvores sombreadassão um desses elementos. Então, temos que otimizar e temos que projetar, consequentemente, a colocaçãodessas árvores. Então, se a gente ver o que acontece se plantamos árvores no sul? Por isso, se nósplantamos árvores no sul, que são como árvores evergreen vemos que há menor quantidade desombra que é recebida em verões.E há mais quantidade de sombra que é recebida em invernos que é algo que fazemosnão querer em um clima composto, que é o que prevalece durante a parte mais geográficado país. No entanto, se vemos se há árvores plantadas no oeste, em julhohá uma sombra maior que é lançada sobre o prédio em comparação a janeiro quando uma sombra menorestá sendo lançada sobre o prédio. Assim, com tais tipos de exercícios também podemos ver, o queé a direção ideal.Agora, este foi para uma árvore evergreen onde assumimos que a folhagem continua sendo omesmo. Isso também poderia ser alterado se selecionarmos menos como árvores, o que derramará suas folhasdurante os invernos. Assim, podemos ter plantação de árvores de tal maneira que eles são capazes desombra do edifício em verões enquanto quando derramam suas folhas em invernos permitem que para todoso isolamento solar receba o edifício.Então, não apenas o planejamento de como o desenho do esquema paisagista, onde as árvores deveriam serplantadas mas também uma discussão sobre que tipo de árvores deve ser plantada adjacente aos edifícios. Então, que o impacto desejado no sombreamento seja alcançado.(Consulte o Tempo do slide: 20:03)Então, o que nós estamos essencialmente fazendo é, estamos fazendo a análise de isolamento através de muitas ferramentas de simulaçãoesta é através do ecotect onde carregamos o arquivo de dados meteorológicos. Sabemosjá como o sol está se movimentando para um determinado lugar e então calculamos a quantidade de isolamento solarque é recebido em ambientes fechados.Então, você pode ver essa grade aqui, sabemos a quantidade de isolamento solar que é recebida por um edifício particular de um determinado lugar. Com a ajuda deste direito nas etapas iniciais do designpodemos orientá-lo em uma direção adequada. Então, que a luz do dia é maximizada enquanto o isolamento solaré otimizado para. Depois que o prédio foi devidamente orientado, falamos sobre a composição do envelope de construção, falamos sobre os materiais. Assim, uma vez que mais e maisedifícios estão se tornando ar condicionado e somos menos dependentes da ventilação natural,estamos falando de construção de isolamento como parte importante do envelope do prédio.(Consulte o Tempo do slide: 21:11)Se fosse um edifício naturalmente ventilado, não há muita diferença entre a temperatura do ar interiore a temperatura do ar ao ar livre. Há alguma diferença por causa da absorçãopor causa do calor retido absorvido pela massa de construção. Mas quando é um arcondicionado a construção do ambiente indoor é absolutamente diferente do ambiente outdoorpara a maior parte da parte da terra. E há muita diferença entre o indoor eo outdoor.Então, em verões extremas supõem que há cerca de 23 grau centígrado que deve sermantido dentro ou dizer 24 enquanto fora dele é como 45 ou 46 grau centígrado. Então, é uma diferença de temperaturaou delta de cerca de 22 grau centígrado que é uma enorme diferença de temperatura. E a mesma coisa pode acontecer em invernos, quando em ambientes fechados estamos novamentemantendo uma temperatura interior de cerca de 20 grau centígrada enquanto fora ela fica em torno de 5grau centígrada.Então, novamente um delta de 15 grau é uma enorme diferença de temperatura novamente. Para reduzir isso, para reduzira quantidade de energia necessária para fazer a ponte dessa lacuna ou para manter as condições indoorcomo tal, precisamos isolar o edifício. Então, que há menos quantidade de calor ganhou através deo envelope de construção. Por isso, estamos falando das paredes, dos pisos, dos telhados e das janelastodas elas e também vazamento de ar.Então, o que temos que fazer é, temos que isolá-lo temos que quebrar o calor viajando, temospara quebrar o caminho que através do qual o calor viaja de ar livre para o interior ou para o interior deao ar livre. Já vimos quais são os nossos valores quais são as propriedades para insulações, maso objetivo para o isolamento é ter um alto valor R para selecionar um material que tenha um alto valor Re colocá-lo de tal forma que ele quebra qualquer ponte térmica.(Consulte o Tempo do slide: 23:35)Então, não há conexão de outdoor ao interior por causa deste isolamento que é padrãoentre. Se fizermos isso em caso de verões, o calor será absorvido pela camada mais externa eentão ele será reradiado de volta quando a temperatura externa cair durante a noite mas, não serátransmitido por dentro. O mesmo será durante os invernos quando o calor será absorvido eentão reradiado de volta para dentro do sistema e ele não será perdido.(Consulte o Tempo do slide: 24:09)Então, o isolamento torna-se cada vez mais importante não apenas envolve. Mas na verdade, maisimportante em telhados os potes de terras invertidas tem sido uma técnica muito comum que nósutilizamos em nossos prédios desde velhas eras ela é uma técnica tradicional.Então, o que de fato acontece é que, esses potes invertidos eles prendem muito ar dentro deles e estear realmente funciona como um material de isolamento. Então, assim como o que acabamos de ver como um material de isolamentona parede que foi instalado, esta cavidade de ar age ar é o melhor isolante para issomatéria. Então, essa cavidade de ar que foi criada funciona como um material de isolamento.(Consulte o Tempo de deslizamento: 24:55)Então, se você observar o impacto do isolamento, sem que o isolamento seja instalado usado em um prédio, esta é a quantidade de ganho de calor que foi recebida através do telhado e através da parede. E se um isolamento foi adicionado assim, reduzimos o teto você valora de 4,2 para 0,261 eo novo valor da parede de 2,1 para 0.44.A quantidade de calor recebida através do telhado caiu substancialmente para baixo, é tremendamentebaixa de 24,6 kilo Watt hora por metro quadrado foi reduzida para 2,1 kilo Watt hora por metro quadrado. Agora, isso implica que essa quantidade muito menor de resfriamento será necessária paraeste edifício.(Consulte o Tempo de deslizamento: 25:51)O próximo parâmetro importante ou o componente do envelope é a fenestração. Agora, emfenestramento estamos falando de dois componentes; um é envidraçado e o outro é quadro.Principalmente a fenestração é composta de vidraças no que diz respeito à área mas quadro, étambém importante porque às vezes mesmo depois de usar vidro de alta eficiência; se o quadro estiver vazandoou se o quadro estiver permitindo muita transferência de calor, então o desempenho do vidrode alta eficiência também será reduzido.(Consulte o Tempo do slide: 26:42)Então, quando estamos falando de fenestração, estamos falando de duas três coisas. Um queé o mais importante de um ponto de vista de design é janela para proporção de parede. Janela para paredeproporção é a porcentagem da área de parede que é ocupada por janelas, mais alta é a janelapara parede de proporção mais alta é a quantidade de luz que penetra dentro e também a quantidade de calorque vem nele é diretamente proporcional em qualquer clima que seja.Então, há mais transferência de calor que ocorre através das janelas. Maior WWR implicahá um aumento da taxa de transferência de calor e também aumento da quantidade de luz do dia que édisponível à medida que vamos reduzindo o WWR ambos reduzem.(Consulte o Tempo do slide: 27:32)Então, isso está em um dos casos, em que no caso de base se foi usado um WWR de 60 versusse sem fazer nada apenas o WWR foi reduzido para 30 houve uma poupança diretade cerca de 20 que foi alcanada. Então, essa alta é o impacto da janela para a proporção de paredesem fazer nada sem selecionar o material. Então, o primeiro e principal está projetandoele correto para projetá-lo com a quantidade ideal de janelas. Uma vez que selecionamos a quantidade ideal de WWR, então vamos em seguida para selecionar o tipo certo de vidraças.(Consulte o Tempo do slide: 28:20)Agora, estamos falando em selecionar o vidro como primeiro parâmetro. E nós jádiscutiu como o vidro transmite calor dentro, pode ser diretamente transmitido, pode serabsorvido e depois repor calor. Então, a quantidade total de calor que é transmitida para através deo vidro tem que ser vista. Nós já reduzimos o WWR e depois selecionamos o tipo certode vidro que em climas quentes ou em climas frios que reduz essa transferência de calor através do vidro.(Consulte o Tempo do slide: 28:59)Agora, quando estamos falando do vidro selecionando o vidro de alta eficiência há doisvalores de extrema importância quando estamos falando sobre o ganho de calor. Estamos falando deSHGC e estamos falando de valor de U. Agora, o valor U impacta a quantidade de calor que étransferido devido à diferença de temperatura que é o que também vimos na palestra anterior.Enquanto SHGC é a propriedade do vidro, o que impacta o ganho de calor devido à radiação solar diretamenor é o SHGC, menor é o ganho de calor devido à radiação solar direta, menor é o valor U,menor é a quantidade de transferência de calor devido à diferença de temperatura.Agora, muitas vezes se você observar as especificações do vidro, reduzir o valor U automaticamentereduz o SHGC; este é frequentemente. Se temos uma unidade duplamente envidraizada por exemplo uma unidade de vidroque tem duas camadas de vidro claro, com uma cavidade de ar em entre em tal caso o valor U éreduzido, mas o SHGC não é reduzido tanto. Agora fora desses dois, qual deles é maisimportante?(Consulte o Tempo do slide: 30:20)Então, se olvidarmos para este exemplo particular, se um se o SHGC de um copo é 0,3; o que implicaque 30 do calor solar total direto que é incidente no vidro é transmitido dentro detransferido para dentro. Enquanto U valor dos óculos 3,0 e se temos se assumimos que este total deenergia solar incidente é 800 Watts e o diferencial de temperatura é de 20 grau centígradoque está em uma estação de verão extremo.Por causa do SHGC fora de 800, 240 Watts será transmitido dentro transferido para dentro dea energia solar incidente. Enquanto em virtude do valor U deste vidro ele estará transmitindoem torno de 60 Watts de energia por dentro por causa da diferença de temperatura. Então, o total éem torno de 300 Watts dos quais 80 são contribuidos por causa do SHGC.Então, sabemos qual é a importância do SHGC enquanto selecionamos o vidro, que é maisimportante. Agora, a redução no SHGC como a propriedade do vidro acontece por causa decertas camadas de revestimentos no vidro. Podem ser revestimentos reflexios que muitas vezes são, capazes derefletir a quantidade de calor que é incidente e esses revestimentos eles vêm com tipo específicode óculos que são também os óculos de alta eficiência, mas os caros. A graça salvadora éque se reduzirmos a quantidade de radiação caindo sobre o vidro, há redução direta na quantidadede calor que é transmitida.(Consulte o Tempo de deslizamento: 32:07)Então, mais cedo no slide anterior, se vimos que houve um 800 Watts de radiação solarque é incidente do qual 240 Watts é transmitido com um SHGC de 0,3. Se eu não mudara propriedade de vidro aqui, se eu apenas introduzir um shade quase 50 desse incidente solara radiação é cortada com a ajuda deste sombreamento. Assim, são apenas 400 Watts dos quais cerca de 120Watts serão transmitidos por dentro, se não mudarmos sequer a propriedade do vidro. Então, aquivemos que quando estamos falando sobre o design de janela o design de fenestração, janelasombreamento é um parâmetro importante.(Consulte o Tempo do slide: 33:06)Então, o sombreamento da janela deve ser fornecido, mas ele deve ser otimizado.(Consulte o Tempo do slide: 33:13)Porque o momento que fornecemos para sombreamento de janela, também estamos cortando naquantidade de luz do dia direta que é penetrada por dentro. Assim, se você reduz a quantidade de luz do dia,estamos aumentando a quantidade de luz artificial que é necessária no edifício.Então, projetamos a fenestração sombreando apropriadamente nós orientamos a fenestração de maneira tãoque ela permite que o sol de inverno penetre enquanto bloqueia o sol de verão. Se nósestamos planejando para alguns skylights, devemos planejá-los da maneira semelhante onde o sol de inverno baixoé penetrado enquanto o sol de verão alto é cortado. Por isso, a sombreamento de fenestraçãodeve ser projetada de forma otimizada.(Consulte o Tempo do slide: 33:51)Próxima estratégia muito importante é o teto legal já discutimos sobre o telhado legal. Agora,cool roof é um telhado que tem um alto valor SRI o que implica que sua refletância também é muitoalta e sua emissividade também é muito alta. Assim, quando ele tem uma alta refletância ele reflete quasetodo o calor que é incidente sobre ele, seja qual for o pouco que for absorvido ele é todo reapagado de volta porque eletem uma alta emissividade.(Consulte o tempo de deslizamento: 34:27)Então, telhados legais também são muito impactantes quando se trata de reduzir o calor obtido através do tetoe este foi um estudo que foi realizado pela tripla TI, Hyderabad em associação com o laboratório nacional deLawrence Berkeley. E descobriram que ela é bastante rentável quandoela quando olhamos para as vantagens.Então, a economia anual estimada em geral de eletricidade ao pintar o telhado com um telhado legalmaterial era desta ordem. E o total da poupança sobre a vida esperada do teto fresco quefoi muito superior ao investimento que se deu em direção à instalação do teto legal.(Consulte o Tempo do slide: 35:18)O próximo é blinds. Assim, as persias cortam a quantidade de radiação solar direta que é penetradaque é passada a partir da fenestração para os ambientes internos, mas a localização do cego ondedeve ser instalado o cego que desempenha um papel crucial crítico. Se instalarmos os blinds em ladosque é o que é a prática comum. O calor penetrou de qualquer maneira dentro e a maior parte deo calor que penetrou no interior permanecerá por dentro apesar das persias.Então, podemos ter a sensação de que há menos quantidade de calor que está chegando se as persias foreminstaladas no interior. Na verdade a maior parte do calor vem de qualquer maneira se instalarmos foraa maior parte do calor que é incidente é bloqueado pelos blinds e ele é refletido de volta e muitopouca quantidade de calor é transmitida por dentro.(Consulte o Tempo de Slides: 36:18)Então, esta é uma comparação rápida para cada lado da fachada se as blinds estiverem instaladas fora,quando houver um sombreamento movedivel que é instalado externamente. E neste caso quando ele énão instalado há uma redução significativa na quantidade de calor obtida em todos os ladosespecialmente o oeste. Assim, os blinds são componentes muito interessantes e impactantes, que podem serincorporados como parte da fenestração.(Consulte o Tempo do slide: 36:52)O próximo é o skylights. Os clarabóias permitem muita luz natural a luz do dia, mas nomesmo tempo eles também permitem que muito calor venha dentro do prédio. Novamente temos que olharno requisito de U e SHGC para esses clarabóias especialmente porque eles recebem diretosol e sua parte do telhado. Por isso, muito sol é recebido e, portanto, baixo valor U e baixoSHGC deve ser preferido para os skylights.(Consulte o Tempo do slide: 37:29)Então, se observarmos o requisito geral do envelope ECBC vemos que há dois tipos de requisitospara o envelope de construção.