Loading

Module 1: Introdução ao MYSQL Database e Java

Nota de Estudos
Study Reminders
Support
Text Version

Acesse o MYSQL de Java

Set your study reminders

We will email you at these times to remind you to study.
  • Monday

    -

    7am

    +

    Tuesday

    -

    7am

    +

    Wednesday

    -

    7am

    +

    Thursday

    -

    7am

    +

    Friday

    -

    7am

    +

    Saturday

    -

    7am

    +

    Sunday

    -

    7am

    +

Olá. Bem-vindo à Sessão 2 de Week9.Seção 1: Revisão da palestraNós olhamos para:● como o MySQL é configurado● Conjunto de tabelas em um banco de dados usando o MySQL● Consultando no MySQL.
Objetivo da palestra:1. Use Java para extrair dados do MySQL. (Nós já fizemos isso uma vez antes, mas nósexploramos isso em mais detalhes.)2. Implementa o mesmo, mas usando servlets.3. Obter dados de um banco de dados e mostrá-lo em uma webpage usando jsp.
Ao fazer estes, teremos reunida jsp e bancos de dados.
Próximas palestras: Use cookies para implementar a lógica do aplicativo. Esta vontadecompletará a implementação de todo o aplicativo da web.(Consulte o Tempo de Slide: 01:28)
Revisão desta palestra:● Acesse o MySQL de java.● Aprenda sobre drivers de banco de dados e conexões de banco de dados.● ResultSet objeto que contém informações sobre o resultado do enunciado do banco de dados, como acessá-lo e convertê-lo em html.
SECÇÃO 2: QUADRO GERAL DE TOMCAT, SERVLETS EBANCO de dados(Consulte O Slide Time: 01:52)
1. Tomcat é o servidor.2. Há servlets (classes que podem ser carregadas ao configurá-las no gerenciador).
3. O servlet se comunicará com o banco de dados utilizando um driver de banco de dados que, por sua vez,cria uma conexão com o banco de dados.4. Literalmente, a conexão com o banco de dados representa a conexão TCP entre o processo Tomcate o processo MySQL. Mas, figurativamente, ele também representa outras propriedadesde dados.
O processo de como a CLI do MySQL interage com o banco de dados também é semelhante. A CLI tambémabre uma conexão e é através da conexão que comunicamos com o MySQL.
No entanto, ao contrário da CLI, o arranjo de todo esse software é que o servlet está no tomcat ’ swebapps. O layout do Tomcat tem xampp que tem tomcat. O diretório Tomcat tem webapps quecontêm todos os aplicativos web que nós vamos usar. É aqui que os webapps sãoarmazenados. Há um diretório lib no diretório tomcat que contém todas as bibliotecas. Sãocarregadas pelo servidor tomcat na mosca sempre que precisa de alguma facilidade.Exemplo de bibliotecas no diretório lib:● tomcat-api.jar: Vamos ver como usá-lo em Tomcat integrado.● servlet-api.jar: É usado para compilar os servlets e depois usado quando estamos carregandoeles. Esta biblioteca não é específica do Tomcat, é um padrão java e por isso há outrosconjuntos de servidores java não Tomcat que também implementam isso. (Vídeo Termina: 04:43)(Consulte O Slide Time: 04:44)
O MySQL empilhou em MariaDB que é a versão de código aberto. Assim, o servlet está no tomcatwebapps, driver está em /tomcat/lib/mariadb-java-client-2.6.0.jar. Propriedades interessantes detransações são gerenciadas em uma base de conexão e não ter muitas conexões parao banco de dados também é importante.
SECÇÃO 3: Como estabelecer uma conexão entre driver eservlet?Para demonstrar isso, considere o exemplo simples onde recuperamos um monte de informaçõesdo banco de dados e mostrá-lo na webpage.(Consulte o Tempo de Slide: 05:39)
● Teste usando um arquivo simples: Código neste arquivo simples está na primeira etapa após alguma configuraçãoque um servlet precisa para diferentes finalidades. Assim, próxima etapa será a configuração do servlet.O mesmo código que utilizamos em nosso app de testes pode ser usado em um servlet, mas há limitaçõesa esse código. Por essa razão utilizamos recursos de JNDI. O recurso JNDI é basicamente uma maneira defalar de bancos de dados sem nos forçar a nos especializar em um driver de banco de dados específico.
Implementação em três estágios:1. Escreva um programa simples.2. Coloque-o em um servlet
3. Configure o servlet em um formulário amigável do Tomcat.
Implementar uma classe simples: readdatabase.java
REmembro:1. O banco de dados nptel possui 2 tabelas (despesas e usuários) que criamos na última palestra.2. A tabela de usuários tem 3 atributos (ctime, usrID, uname).3. Se nós fizermos select * dos usuários, vemos os 3 usuários que adicionamos na última palestra.4. O objetivo de hoje é apenas recuperar linhas resultantes de select * dos usuários e exibiá-loem uma webpage. Também veremos como obter atualizações e o que for necessário para o nosso aplicativo real.
STEP1: Código simples para recuperação de informações deste banco de dados usando uma linguagemde programação.
Crie uma classe de teste chamada readdb.● campo url no readdb: “ jdbc:mysql://localhost: 3306/nptel ” é usado por outro padrãochamado jdbc que é uma maneira de se conectar a qualquer banco de dados (aqui, MySQL).
● O Url é escrito da seguinte maneira: Protocolo jdbc, seguido por MySQL (banco de dados), seguido de execuções variadas e a última coisa é o nome do banco de dados quevocê deseja conectar.● Segunda coisa que esta conexão precisa é o usuário e a senha.● Finalmente a classe do driver em si (campo DBDriverClass) que já vimos anteriormente.● conexão é a classe real de conexão com o banco de dados, instrução é a classe a instruçãoque você deseja enviar para o banco de dados, e o valor da instruçãovolta como tipo resultSet.● No método main: Nós pedimos para identificar a classe que carrega DBDriver.DriverManager é definido em um dos pacotes importados (ou seja, faz parte dejava.sql. *). Carregue o DriverManager, estabeleça um conn de conexão, crie uma instruçãousando stmt=conn.createDeclaração (), para executar uma consulta específica no banco de dados, escreva a instrução em rs=stmt.executeQuery (“ select * from users ”).O conjunto de resultados é um objeto com um atributo next. ResultSet possui uma lista de linhas, com uma linhaacessível de cada vez. Os tipos de ctime e o de usrID é bigint que são 64 bit tipos.Então em Java, eles são representados como Long e, portanto, obtemos essa informação usandogetLong (). Podemos nomear cada campo em resultSet também.● O conjunto de resultados, a instrução e a conexão precisam ser fechadas usando rs.close (),stmt.close (), conn.close (); quando somos feitos com o job real. No programa de testeclaro, não importa muito se algo der errado, vamos imprimir o rastreio de pilhae vamos imprimir uma mensagem.compilar este programa com javac readdb.java, iniciar o MySQL, java readdb. Esta saídasas linhas da tabela de usuários como esperado.